Busca

Forma : Plural

Releitura do viver bem

Categoria

Quarto

Ao lado da cama

el-mueble-bau

Vale criado-mudo, mesa, cômoda, banco, cadeira. E vale baú, por que não? E vamos combinar: fica supimpa e representa um bom espaço extra pra armazenamento ( artigo cada vez mais raro nos dias atuais!). Fora isso, ainda tem a vantagem de ser encontrado em diferentes dimensões e materiais, com preços para todo tipo de bolso. Vale caprichar na composição de objetos para adorná-lo para que seu aspecto não se torne muito pesado, visto que costuma ser uma peça mais “parruda”, mas sem perder de vista a questão da praticidade para não se tornar um verdadeiro estorvo toda a vez que necessitar abri-lo.

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram.

Fonte: El Mueble

Anúncios

Dormindo em boa companhia

A finalidade de um quarto é que seja um recinto para relaxar e carregar as baterias, mas isso não significa que precisa ser um ambiente monótono, sem graça, sem a mínima bossa. E, quando pensamos num elemento que se sobressai dentro desse espaço, logo nos lembramos da cama e, bem em seguida, da cabeceira. Sim, ela é aquele item capaz dar o mood do quarto, seja por suas dimensões ou pela posição central que costuma ocupar, então vale um cuidado bacana no momento de elegê-la e, pra te dar uma mãozinha nessa empreitada, separei algumas sugestões.

Um painel de lado a lado revestido em tecido com cor sólida, criando um tom sobre tom super elegante no quarto.casa abril

Igualmente elegante e super atemporal é um painel de madeira, que ainda pode funcionar como prateleira para alojar alguns quadros e trazer um encanto extra.

casa e jardim

Já em menor dimensão, abrangendo apenas a cama e as mesas laterais, esse painel de OSB é uma alternativa bem interessante, pois contribui com uma boa dose de textura e dá um baita contraste legal com a parede escura.

casa vogue

E que tal um pouco de tropicalidade, pra ter um clima que remeta ao verão durante todas as estações?

chic e deco tropical

Para quem tem muitos pertences pra armazenar, cabeceiras de alvenaria ou projeto de marcenaria são ótimas opções, e podem assumir diferentes personalidades de acordo com aquilo que armazenam.

elmueble

E para quem gosta de variar com uma certa frequência, tapeçaria presa em varão, no mesmo esquema utilizado em cortinas, é uma saída e tanto e um banho de cor lindão de ser ver.

rug-headboard-diy-de freshome

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram aqui. Já conhece nossa lojinha? É só clicar aqui.

Fontes: Casa Abril / Casa&Jardim / Casa Vogue / Chic Decó / El Mueble / Freshome

 

Azul, branco e algo a mais

remodelista etx

Embora a clássica combinação de azul e branco costume funcionar em boa parte dos casos, existem momentos em que ela pede um algo a mais para fugir um pouco do óbvio. E a parte boa disso é que ela é super amigável, já se tornou uma base neutra, então dá pra eleger diferentes arranjos de cores e texturas sem muito erro. No caso acima, o dourado foi bastante requisitado, enquanto doses certeiras de vermelho, laranja e fúcsia salpicam em alguns pontos. A textura  aparece para contribuir com suavidade e doar um maior movimento ao conjunto. Sem dúvida, essa é uma daquelas paletas boas e sem a menor monotonia pra gente carregar  como inspiração para diferentes cômodos de casa.

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram.

Fonte: Remodelista

Móvel vestido

IMG_9941

Móveis velhinhos, essa é uma das minhas paixões, e das grandes! Já pintei com cores de doer os olhos, desenhei, raspei a pintura pra criar um efeito detonado…Foram tantas as técnicas e pirações, que nem sou capaz de me recordar de todas elas. Mas uma delas, em especial, costumo usar quando o tempo anda curto e a ansiedade enorme: revestir móvel com tecido. Além dessa técnica ser bem mais rápida que uma pintura, ainda permite inúmeras possibilidades, como revestir um móvel inteiro ou apenas um detalhe. Ah, e a variedade gigante de estampas pra gente ficar naquela baita dúvida? Se já enxergou uma peça meio caidinha por aí, que rapidinho ficaria lindona com um tecido simpático, aqui e aqui têm algumas inspirações e dicas de como fazer.

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram.

Aconchego pleno de vida

moodys home bed

Um papel de parede escuro com flores em tons vibrantes seria uma aposta um tanto duvidosa para o cômodo que mais pede por tranquilidade. Mas eis que se juntam a ele uma cabeceira em tom claro e com aspecto macio e uma porção de almofadas com bossa de sobra que parece sussurrar “se joga!”.  Um tímido copinho faz sua presença ser notada em função do conteúdo que carrega, enquanto o singelo vaso pendente flerta com a luz que entra pela janela. E ao cair da noite, imagino que a luminária estrategicamente posicionada permita a leitura de fábulas, crônicas, romances, poesias e ensaios, enquanto o relaxante efeito do balanço do macramê preso à parede vai trazendo o sono bem devagarinho…

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram.

Fonte: Moodys Home

Dando a volta por cima

My White Room small

Se a falta de espaço é um inconveniente com o qual precisa lidar, então que essa lida se traduza num ambiente agradável. É aquela velha história de tirar o foco do problema e transferir a atenção para detalhes: um lustre bonitão, acessórios e roupas de cama confortáveis, prateleiras adornadas com tachinhas e enfeites mil, uma pintura colorida no teto. Talvez o ambiente pequeno seja aquela deixa perfeita pra se questionar “por que não?” e colocar em prática ideias que jamais ousaria num ambiente de grandes proporções.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: My White Room

Em boa companhia

Companhia boa é aquela criatura que transforma o pior dos programas numa atração interessante, que faz valer a pena um passeio pela cidade em dias chuvosos, que faz todo e qualquer evento ser bem mais especial. Ela transforma o humor e sempre é capaz de criar um clima muito diferente apenas com sua presença.

E com as casas também é assim. Quando unimos determinados itens, de longe dá pra sacar a euforia, perceber aquele objeto tão à toa tomando uma nova forma, a cena como um todo muda totalmente de figura. Na companhia certa, o rústico ganha glamour, o tosco fica elegante e até as construções mais brutas se tornam leves.

ATELIER RUE VERTE 1

ATELIER RUE VERTE 2

ATELIER RUE VERTE 3

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Atelier Rue Verte

Ousadia em dose homeopática

damask et dentelle cab

Na configuração geral, nada de extraordinário, mas basta fitar o ambiente por mais alguns instantes para reparar o quanto ele é ousado nos detalhes. Pranchas de madeira dispostas de maneira linear têm sua simetria levemente interrompida por belos recortes que realçam seus veios. O jogo de cama todo alvo dá a permissão perfeita para um tapete com longos fios radiantes.  E as mesinhas laterais, que poderiam passar batidas pela pouca interferência visual que causam, desempenham um formidável  jogo de contraste com a cabeceira. Aí está um quarto que é uma boa resposta para quem ainda acredita que toda ousadia é necessariamente extravagante.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Damask et Dentelle

Simples e eficiente

Sempre nos deparamos com referências que, sem muitas traquitanas ou manobras, nos fazem refletir. Uma delas foi esse quarto. A sensação é de que tudo partiu da tela festiva presa à parede: o verde foi doado para as almofadas presentes na cama, enquanto as flores migraram para a mesinha lateral. A arandela deve se tornar o detalhe da vez quando a lâmpada se acende. O todo tem uma sintonia tão afinada que se transformou numa tradução de aconchego sem a menor dose de monotonia.

cushandnooks12 cama:quadro

Da mesma forma, o banheiro todo branquinho ganha um baita sacolejo com o teto azul, sendo representado na forma de estampas numa bancada revestida por ladrilhos.

turbulences deco bath 1

A gente tira desses dois exemplos que, fazendo um bom uso do elemento chamado cor e com uma curadoria cuidadosa de itens, dá pra elaborar projetos viáveis e encantadores, que demandam execuções simples, porém muito eficientes.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Cush and Nooks / Turbulences Déco

 

 

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑