Busca

Forma : Plural

Releitura do viver bem

Categoria

Saídas de mestre

Estampas no teto

AnIndianSummer tapete

Namoro essa possibilidade há algum tempo: estampas no teto! Está bem longe de ser a ideia mais prática da paróquia, no entanto é tão bacana para um espaço com metragens não tão avantajadas e surte um efeito tão grande, que acho que vale muito a pena.

Tenho uma pequena sala aqui que se abre para o jardim e fica numa espécie de edícula, onde o teto está sem forro e com o madeiramento aparente. Perfeito para encarar essa empreitada! Mas como executar e lidar com o pó que se acumula?

Bom, em meus planos está prevista a utilização de uma colcha indiana + velcro. A colcha porque tem o tamanho ideal para o espaço que disponho, a estampa é lindona e o tecido não é muito grosso, o que facilita sua fixação. O velcro deverá entrar nas bordas da colcha e no madeiramento do teto, assim basta “descolá-la” para lavar e fica fácil encaixá-la novamente. 

Agora, só me falta mesmo um tempinho para ser a mais feliz proprietária de uma sala com teto estampado :)!

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: An Indian Summer

Sala: transformando muito, mudando pouco

Peças de grande porte têm a capacidade de melhorar muito a percepção que se tem de um ambiente e também de arruiná-lo totalmente. Por suas dimensões, é inevitável que passem sem ser notadas e que muito de suas características acabe por ditar todo o ambiente. Então, se pretende uma transformação mais acentuada na sala, talvez começar pelo sofá seja a melhor estratégia. Pense na atmosfera que deseja para o espaço, na cor que ficará em evidência, no estilo que planeja deixar mais marcante e parta para a pesquisa de um tecido que represente isso tudo. A troca do estofamento é um passo enorme na hora de mudar notoriamente os ares de uma sala.

solid frog sofa

Mas se acredita que a peça não valha o investimento e adquirir uma nova está fora de cogitação, transforme o sofá com complementos ricos em detalhes, como mantas e almofadas de diferentes formas e tamanhos. Também é possível maquiar a troca do estofamento.

Apartment34 sofa

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Solid Frog / Apartment 34

Uma licença ao placebo

E por que não? Aquela boa e velha enganada, ludibriada, que vez ou outra é o que salva a gente, que nos tira do status ” não dá pra fazer nada” e nos coloca na condição de estarmos fazendo algo, ou ao menos tentando.

E o placebo tem um caráter leve, próprio das coisas provisórias, que nos permite experimentar com a certeza de que até pode não rolar, mas não fará mal algum. É um pontapé de coragem e esperança, mas acima de tudo é um excelente ensaio para decisões mais sérias.

Se a grana anda curta ou resta dúvidas de estofar o sofá com uma estampa mais chamativa, teste alguns tecidos sobre ele, como mantas, lençóis e colchas.

casa abril capa

Observe bem todo o contexto no qual vive e descubra que alguns elementos que povoam sua casa podem assumir dinâmicas diferentes.

Blood and Champagne

Remaneje alguns móveis. A simples troca de uma peça por outra já altera o padrão anterior e pode significar a mudança que tanto almeja.

casa abril bambu

Se tiver o prazer de contar com qualquer espaço externo, lembre-se que ele pode te proporcionar um respiro visual incrível, independente de seu tamanho. Então, lhe dê muita trela.

casa abril fora

O sonho por mobiliários notáveis, como uma estante ou mesa decorativa, pode ser provisoriamente conquistado numa loja de material de construção do bairro.

casa abril prat lado

cepaynasi

Da mesma maneira, uma boa curadoria no momento de escolha de acessórios corriqueiros faz milagres no todo de um ambiente.

Ctlr + Run

urban outfitters

Detalhes são supérfluos que humanizam espaços. Explore diferentes objetos em diversos pontos.

marie claire maison bath

E, por fim, meu placebo favorito: cor! Camufla imperfeições, preenche paredes, muda num instante a atmosfera do cenário.

foto-4 (1)

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Casa Abril Blood and Champagne / Cepaynasi / Ctlr+Run / Urban Outfitters / Marie Claire Maison

O que vai ao lado da cama?

Cada qual cultiva suas preferências, o mais importante é que possa contar com um apoio, seja lá para o que for, quando precisar. Por esse motivo, é que as prateleiras são uma boa pedida, afinal ocupam espaços verticais e se enquadram bem para atender às necessidades de quem tem espaço de sobra ou de menos, pouco ou muitos apetrechos para acomodar.

decoratrix.com

A graça fica por conta da composição que poderá montar com as prateleiras e, claro, na escolha do acabamento que melhor se encaixar ao seu estilo. Além de armazenar, essa “escadinha” de prateleiras pode ter um grande apelo na decoração, basta escolher objetos interessantes para deixar à mostra e caprichar no layout.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Decoratrix

 

 

Dando um trato no sofá

Se não é de hoje que se encontra desgostoso com seu sofá, seja porque não curte mais a cor, o estofado manchou ou porque já se encheu mesmo dele, saiba que muitas vezes utilizar uma peça têxtil, desde uma tapeçaria bacana até um caminho de mesa, pode ser uma solução rápida e econômica para dar um tapa urgente. As opções são muitas, dá pra usar uma única peça marcante ou bolar uma composição com  mescla de estampas e, claro, um bocado de almofadas também colabora bastante.

Emily Henderson 1

 

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Emily Henderson

A personalidade das coisas

Muita gente prefere viver em ambientes sem muitos sobressaltos, com visual mais linear e aspecto mais homogêneo e opta por peças de estilos semelhantes, criando um clima ” mais do mesmo”. Por outro lado, existem aqueles que gostam de pitadas de algo a mais, de um ponto de destaque, e apostam na fusão caro + barato, novo + antigo, chique + rústico.

nicety apoio lavabo

Esse lavabo é uma amostra bem interessante disso. O espelho e molduras têm um quê chique que vem do desenho rebuscado e da cor  dourada e ainda por cima são elementos antigos. Somou-se a isso uma prateleira bastante comum, básica ao extremo. Com mais uma firulinha aqui, outra ali, temos um ambiente completamente singular.

prettystuff.tumblr.com

Aqui temos o toque elegante do veludo na cabeceira associado à rusticidade de um banco e um cesto. Quem diria que o casamento daria certo? Essa troca de valores é surpreendente e prova que um ambiente bacana não se faz apenas com grandes somas, mas com o olhar cauteloso para identificar o item que valerá o investimento e será capaz de transformar o todo.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Nicety Livejournal / Pretty Stuff

 

Um respiro verde

turbulences déco

Num cenário totalmente urbano, poucos conseguiriam enxergar aí algum potencial. Mas o que não faz um bocado de carinho e alguns acessórios? Jardineiras presas às grades, forradas de flores, fecharam o cenário em grande estilo. E sabe o que é mais bacana nesses ambientes tidos como casos perdidos? Eles não deixam remorso se as coisas não rolarem como esperadas e ainda nos ensinam bastante: a gente faz um catado de móveis que estão sem serventia, tapete, almofadas, aplica um talento,  junta tudo e vê no que dá. Se funcionar, que  tremenda alegria, terá se livrado de coisas aparentemente sem função e será o mais novo proprietário de um espaço incrível.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Turbulences Déco

Bar camuflado

Nem sempre dá pra ter um lugar específico para cada coisa, então a alternativa é encontrar maneiras para que a diversidade de itens compartilhem o mesmo espaço e vivam em harmonia. Se está faltando vaga para montar um cantinho exclusivo para o bar, um aparador pode ser a salvação e as bebidas e copos se transformam em objetos de decoração, assim como quadros, livros e luminária.

nicety bar

Procurando mais ideias de bar? Clique aqui.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Nicety Livejournal

Ambientes total flex

Bons tempos em que cada cômodo tinha uma única função, muito bem estabelecida. Atualmente, além de lidarmos com as metragens que se reduzem cada vez mais, as casas precisam ter vaga para abraçar novas demandas de funções que anteriormente não tinham tanta importância, como um escritório. A alternativa é se apoiar em mobiliário versátil, dividir ambientes de maneira que não pese no visual, contar com pontos de fuga capazes de despistar o olhar. A missão não é das mais simples, mas sempre existe uma alternativa.

Bancada de refeições + sala + ambiente de leitura: a cor deu a unidade e as características dos móveis separam os ambientes.

alvhem shelve 1

A composição mais comum de todas: sala de jantar + sala de estar, onde os quadros deram uma mãozinha para delimitar cada um dos espaços, assim como o tapete ajudou a demarcar bem o território.

alvhem violão

Um único nicho onde se pode ler com conforto e trabalhar e quem garantiu essa proeza foi um bom projeto de marcenaria.

desire to inspire 733210054

Quando a cama divide o mesmo ambiente que a sala, contar com tons neutros pode ser uma boa para não comprometer, mas são indispensáveis alguns detalhes coloridos e elementos que tragam vida ao todo, afinal esse é um cômodo que também serve para receber.

french fancy 333333

Se o espaço é muito modesto mesmo, o jeito é empilhar: cama em cima e escritório embaixo.

freshome 1

Escolher adequadamente uma peça pode ser fundamental para realizar um sonho:  ter uma penteadeira no quarto.

goodbonesgreatpieces-gbgp6

E uma boa diagramação também faz milagres.

home&garden 665098

Muitas vezes, a solução não é partir para o minimalismo, mas forrar o cantos com objetos queridos, assim eles o farão se esquecer de que faltam alguns centímetros.

leblogdelamechante.fr

Ou criar os centímetros inexistentes de uma área de lazer numa área interna mesmo.

micasa reformadas87_2g

Dividir os espaços verticalmente é sempre uma boa alternativa e pode abrir áreas de armazenamento das mais variadas.

notmybeautifulhome 23

Com uma boa dose de comprometimento, os espaços conjuntos podem ficar interessantes e se tornar uma referência de aconchego.

planete deco cent

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Alvhem / Desire to Inspire / Frenchy Fancy / Freshome / Good Bones,Great Pieces / Home&Garden / Éléonore Bridge / Micasa / Peace / Planete Deco

7 ideias de baixo investimento

É bem possível promover grandes transformações sem ter que deixar as calças. Basta fugir muitas vezes do olhar cotidiano, garimpar materiais, objetos e móveis em locais menos costumeiros e estar bem disposto a testar porque, no final das contas, o resultado de uma decoração bacana só é obtido com o exercício de tira e põe, carrega pra lá e muda pra cá. E  o primeiro exemplo desse post é bem isso: o criado-mudo que se mudou do quarto para a sala:

casa abril criado

Trocar as funções e disposições dos móveis é uma ótima maneira de renovar a casa e criar novos cenários, sem significar colocar a mão no bolso.

3536_thumb

Uma boa dose de tinta spray e numa versão menos usual é capaz de trazer glamour para uma peça que já não via mais luz no fim do túnel, sem dizer que é rápido e não exige grandes habilidades.

boho deco chic fun

Toda casa tem lá seus perrengues e acho que a grande sacada é conseguir tirar partido deles, como nesse caso onde quarto e sala dividem o mesmo espaço. Ao invés de tentar camuflar, realce, traga à tona e faça o “problema” se tornar o centro das atenções.

casa abril aberto

Por que não usar um armário com as portas abertas? Explorar todas as possibilidades de uma mesma peça também é um jeito de mudar e trazer um novo visual para o recinto.

casa abril escada

Investir em peças pequenas, dessas que encontramos até em supermercados, e explorar ao máximo suas utilizações. Monte versões que podem funcionar para diversos ambientes e com isso ganhe versatilidade e layouts pra lá de despojados.

desire to inspire detalhe

Uma parede sem graça pode ganhar vida com uma pequena intervenção de uma simples faixa, que pode ser feita com tinta ou até mesmo com fita adesiva.

notmybeautifulhome perfurado

Um material pode ir muito além de apenas cumprir sua função, então explore mesmo. Aqui, o painel perfurado foi uma boa escolha para a porta do armário e ainda enriqueceu o espaço com sua textura.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Casa Abril / Casa da Chris / Boho Deco Chic / Desire to Inspire / Peace

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com. | O tema Baskerville.

Acima ↑

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 173 outros seguidores