Bar camuflado

20 de março de 2014 § 6 Comentários

Nem sempre dá pra ter um lugar específico para cada coisa, então a alternativa é encontrar maneiras para que a diversidade de itens compartilhem o mesmo espaço e vivam em harmonia. Se está faltando vaga para montar um cantinho exclusivo para o bar, um aparador pode ser a salvação e as bebidas e copos se transformam em objetos de decoração, assim como quadros, livros e luminária.

nicety bar

Procurando mais ideias de bar? Clique aqui.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Nicety Livejournal

Ambientes total flex

14 de março de 2014 § 7 Comentários

Bons tempos em que cada cômodo tinha uma única função, muito bem estabelecida. Atualmente, além de lidarmos com as metragens que se reduzem cada vez mais, as casas precisam ter vaga para abraçar novas demandas de funções que anteriormente não tinham tanta importância, como um escritório. A alternativa é se apoiar em mobiliário versátil, dividir ambientes de maneira que não pese no visual, contar com pontos de fuga capazes de despistar o olhar. A missão não é das mais simples, mas sempre existe uma alternativa.

Bancada de refeições + sala + ambiente de leitura: a cor deu a unidade e as características dos móveis separam os ambientes.

alvhem shelve 1

A composição mais comum de todas: sala de jantar + sala de estar, onde os quadros deram uma mãozinha para delimitar cada um dos espaços, assim como o tapete ajudou a demarcar bem o território.

alvhem violão

Um único nicho onde se pode ler com conforto e trabalhar e quem garantiu essa proeza foi um bom projeto de marcenaria.

desire to inspire 733210054

Quando a cama divide o mesmo ambiente que a sala, contar com tons neutros pode ser uma boa para não comprometer, mas são indispensáveis alguns detalhes coloridos e elementos que tragam vida ao todo, afinal esse é um cômodo que também serve para receber.

french fancy 333333

Se o espaço é muito modesto mesmo, o jeito é empilhar: cama em cima e escritório embaixo.

freshome 1

Escolher adequadamente uma peça pode ser fundamental para realizar um sonho:  ter uma penteadeira no quarto.

goodbonesgreatpieces-gbgp6

E uma boa diagramação também faz milagres.

home&garden 665098

Muitas vezes, a solução não é partir para o minimalismo, mas forrar o cantos com objetos queridos, assim eles o farão se esquecer de que faltam alguns centímetros.

leblogdelamechante.fr

Ou criar os centímetros inexistentes de uma área de lazer numa área interna mesmo.

micasa reformadas87_2g

Dividir os espaços verticalmente é sempre uma boa alternativa e pode abrir áreas de armazenamento das mais variadas.

notmybeautifulhome 23

Com uma boa dose de comprometimento, os espaços conjuntos podem ficar interessantes e se tornar uma referência de aconchego.

planete deco cent

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Alvhem / Desire to Inspire / Frenchy Fancy / Freshome / Good Bones,Great Pieces / Home&Garden / Éléonore Bridge / Micasa / Peace / Planete Deco

7 ideias de baixo investimento

12 de março de 2014 § 7 Comentários

É bem possível promover grandes transformações sem ter que deixar as calças. Basta fugir muitas vezes do olhar cotidiano, garimpar materiais, objetos e móveis em locais menos costumeiros e estar bem disposto a testar porque, no final das contas, o resultado de uma decoração bacana só é obtido com o exercício de tira e põe, carrega pra lá e muda pra cá. E  o primeiro exemplo desse post é bem isso: o criado-mudo que se mudou do quarto para a sala:

casa abril criado

Trocar as funções e disposições dos móveis é uma ótima maneira de renovar a casa e criar novos cenários, sem significar colocar a mão no bolso.

3536_thumb

Uma boa dose de tinta spray e numa versão menos usual é capaz de trazer glamour para uma peça que já não via mais luz no fim do túnel, sem dizer que é rápido e não exige grandes habilidades.

boho deco chic fun

Toda casa tem lá seus perrengues e acho que a grande sacada é conseguir tirar partido deles, como nesse caso onde quarto e sala dividem o mesmo espaço. Ao invés de tentar camuflar, realce, traga à tona e faça o “problema” se tornar o centro das atenções.

casa abril aberto

Por que não usar um armário com as portas abertas? Explorar todas as possibilidades de uma mesma peça também é um jeito de mudar e trazer um novo visual para o recinto.

casa abril escada

Investir em peças pequenas, dessas que encontramos até em supermercados, e explorar ao máximo suas utilizações. Monte versões que podem funcionar para diversos ambientes e com isso ganhe versatilidade e layouts pra lá de despojados.

desire to inspire detalhe

Uma parede sem graça pode ganhar vida com uma pequena intervenção de uma simples faixa, que pode ser feita com tinta ou até mesmo com fita adesiva.

notmybeautifulhome perfurado

Um material pode ir muito além de apenas cumprir sua função, então explore mesmo. Aqui, o painel perfurado foi uma boa escolha para a porta do armário e ainda enriqueceu o espaço com sua textura.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Casa Abril / Casa da Chris / Boho Deco Chic / Desire to Inspire / Peace

Uma cabana de possibilidades

28 de fevereiro de 2014 § 4 Comentários

Com o feriadão batendo à porta, a gente sempre tem no mínimo duas oportunidades: viajar para um lugar bacanudo, para levar os olhos para passear, ou curtir a cidade grande com ruas tranquilas e aproveitar para garimpar muita coisa e colocar a mão na massa. Pois bem, a referência que trouxe hoje é um pouco das duas coisas: uma cabana com clima de feriado cheia de ideias pra gente aplicar no cafofo.

Tirando partido de um terreno de 36m2 onde havia um gazebo, a designer de interiores Monica Hulme resolveu construir uma cabana para sua filha. A construção é bastante simples, onde a madeira e alvenaria foram recursos bastante empregados, assim como uma técnica bem antiga, a caiação de paredes.

foto 1

foto 2

É uma solução eficiente e econômica e dá pra preparar a pintura caiada em várias cores. Mas esse é apenas o começo… Com boas sacadas, como estrados com colchões de solteiro desempenhando a função de sofá e, quando unidos, assumindo o caráter de uma cama de casal, a pouca metragem deixou de ser um problema.

foto 3

foto 4

Com uma alvenaria muito bem calculada, tudo se encaixa e não falta vaga para nada, até mesmo existe um espaço para o computador.

foto 9

foto 10

Certamente foram os pequenos detalhes que agregaram muita graça. Tecidos coloridos, objetos certeiros, plantas. E isso não quer dizer que é preciso investir grandes somas, mas sem dúvida disposição é indispensável, ela até faz móvel antigo ficar novo outra vez, geladeira velha virar sonho de consumo e também faz cortina virar marcenaria.

foto 5

foto 6

foto 7

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Casa Abril

De araque

26 de fevereiro de 2014 § 8 Comentários

Um corredor, mesmo que estreito, mas abençoado por grandes janelas, não é o tipo de espaço que deve ser desprezado. Aliás, todo centímetro em qualquer lugar merece ser desfrutado e, se puder criar um clima “pé pra fora”, daquele capaz de suprir um quintal que falta, vá em frente, mesmo que isso signifique apelar para o lado artificial: grama sintética.

micasa grama araque

A combinação da grama de araque com as plantas naturais deu origem a um ambiente delicioso, que não demanda grande manutenção e resgata o verde que faz falta na vida de muita gente. Uma ideia que facilmente pode ser transportada para varandas e, para os mais ousados, até para outros cantos da casa.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Micasa

Aproveitando zonas sem uso

6 de outubro de 2013 § 7 Comentários

Se pararmos para avaliar, muitos cafofos possuem áreas, sejam elas grandes ou não, que poderiam ter um destino muito mais proveitoso e bacana. Uma passagem da garagem, por exemplo, é uma zona normalmente morta e que poucos tiram proveito mas que, com pequenos cuidados, pode se transformar naquela área de lazer que tanto deseja:

garagem casa abril 1

Quadrinhos criam a alegoria necessária para tirar essa parede do lugar-comum e uma rede e cadeira já garantem a vaga para o descanso. O corredor ao fundo, uma passagem estreita, recebeu uma boa dose de tinta colorida com vasos que acomodam orquídeas e desemboca no fundão do quintal, com mais uma surpresa: a casinha do gás decorada.

garagem casa abril 2

A cortininha de tecido esconde o que não é interessante e vasos e regadores adornam. Um ótimo local inclusive para uma hortinha, né? Medidas nada drásticas, que não envolvem um grande orçamento, apenas um olhar mais atento para o potencial presente em todo e qualquer lugar.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Casa Abril

Alternativas

17 de setembro de 2013 § 7 Comentários

Para ventilar um armário, portas de treliça

delikatissen 4432

Para uma sala pequena e simpática, mesas de alturas diferentes e pufes

home & garden salve simpatia

Para azulejos sem graça e orçamento apertado, adesivos aleatórios

little birdie kitchen

Para mesa de centro e vagas para armazenar, nichos com rodízios

pinterest 1

Para uma cozinha “flexível”, mesa de abrir

pinterest

Para uma prateleira sem graça, stêncil

remodelista 1

remodelista 2

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Delikatissen / Home&Garden / Little Birdie / Pinterest / Remodelista

Saídas de mestre

13 de agosto de 2013 § 14 Comentários

Vira e mexe a gente tromba com ideias surpreendentes, seja pelo uso de um material inusitado para determinada finalidade como o uso convencional num local mais que certeiro.

Estamos carecas de ver e ouvir falar sobre o poder dos espelhos, mas espelho na cozinha é coisa bem rara e aqui o efeito é chocante. Duplicou o tamanho do espaço só na ilusão de ótica ( até difícil sacar, perceberam?):

apart therapy

Quem não viu a famosa treliça na casa da vó ou de alguma tia? Ela servia para separar muitos espaços externos e de quebra ainda virava suporte para plantas. Para quem acha que a treliça foi esquecida, olha ela aí no fundo dos nichos. Continua sendo um ótimo recurso para “fechar” sem comprometer a luminosidade:

thefoxtrotter.fr treliça

E uma pilastra camuflada com concreto aparente serviu de suporte para prateleiras igualmente rústicas, que assumiram o caráter de  um móvel com múltiplas utilidades:

casa abril hall

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Apartment Therapy / The Foxtrotter / Casa Abril

2 em 1

31 de julho de 2013 § 14 Comentários

Embora louças e livros não tenham nada em comum, eles podem dividir o mesmo espaço e ainda fazer bem bonito. Numa sala de jantar, um móvel de grande destaque como uma estante ou mesmo um livreiro podem muito bem acomodá-los. Além da economia de espaço que fará trocando dois móveis por um, é um recurso para criar um cenário inusitado e atraente.

decouvrirdesign.com

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Decouvrir Design

Vasos na janela

21 de julho de 2013 § 3 Comentários

Contar com temperos frescos nas receitas é garantir um sabor extra em qualquer prato e, se puder cultivá-los dentro de casa, isso facilita um bocado a vida. A questão é que muita gente não dispõe de um pedacinho de terra e, muitas vezes, nem de uma janela capaz de acomodar alguns vasinhos. A solução é improvisar no melhor estilo, como esse exemplo de uma prateleira de vidro posicionada à frente da janela. O vidro passa batido, sem criar nenhum tipo de barreira visual, e as plantinhas ficam felizes num lugar mais que privilegiado. Pronto, agora não tem mais desculpa!

deinspirate wall

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Pinterest

Onde estou?

Você está navegando atualmente a Saídas de mestre categoria em Forma:Plural.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 105 outros seguidores