Busca

Forma : Plural

Releitura do viver bem

mês

setembro 2015

Organizando sem neuras

apart therapy bath

Aquela organização extremamente metódica,  que dá a impressão que o próprio olhar é capaz de fazer as coisas saírem do lugar por livre e espontânea vontade, me causa arrepios. Mas, quando me deparo com arrumações como a que está acima, de gente que organiza com carinho pro espaço render sem abrir mão de uma firulinha aqui e outra ali, reforço minha convicção de que é possível dosar organização e simpatia. Uma boa organização precisa ter movimento e também a flexibilidade de se bagunçar um pouquinho.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Apartment Therapy

 

 

Anúncios

Levando as férias pra casa

jurnaldesigninterior 1

Sexta-feira, o dia mais aguardado da semana finalmente chegou. Com ele vem de brinde o final de semana, aqueles míseros dois dias que poderiam muito bem durar como férias escolares de verão, quando o tempo corria preguiçoso e o descompromisso geral era sua marca registrada.Mas como existem coisas que infelizmente não voltam mais,  o jeito é ser feliz com o que se tem, dando um tapa aqui e acolá pra levar um pouco do clima de férias pra dentro de casa.

Podemos planejar portas e janelas maiores em nossas casas. A abundância de luz natural provoca um dos efeitos mais incríveis em qualquer espaço, nos remetem a dias ensolarados. Agora, se reformas não fazem parte de seus planos férias fake, uma boa dose de tinta em batentes, portas e janelas é capaz de dar o tom de casa de campo ou praia.

E como temos o privilégio de morar num país tropical, onde o frio dá as caras em poucos dias do ano, quer sensação mais praieira que desfrutar de pés descalços? Estude a possibilidade de ter pisos mais rústicos, descomplicados, e tire os sapatos de sua rotina caseira.

Investir em materiais naturais é uma boa pedida quando o assunto é elaborar cenários aconchegantes e descontraídos, e isso inclui colocar em pauta até o uso de móveis para áreas externas nas internas. Quem dita o espírito que uma casa deve ter é quem mora nela, por isso vale tudo.

Têxteis são excelentes aliados e, quanto mais despojada a estampa, melhor. Não se esqueça: quando estamos em férias, estamos abertos às descobertas, ao novo, então arrisque-se um tiquinho mais e ouse em alguns detalhes. Isso é válido também para as cores. Que tal se inspirar nas flores daquela pousada que te proporcionou dias arrebatadores?

Espalhe algumas plantinhas dentro de casa, insira um vasinho de flores, perfume a casa e ligue o som. A alma agradece muito também pelo que os olhos não conseguem ver. Na real, existem inúmeras maneiras de se sentir hóspede vip em nossas casas, basta acreditar que não é necessária data marcada pra gente se desligar um pouco do mundo e ter dias realmente especiais.

2

3

4

5

7

9

10

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Jurnal de Design Interior

 

A qualidade das coisas perdidas

criado carimbado

Gosto da qualidade das coisas dadas como desenganadas, casos perdidos, que ninguém bota fé, pois elas nos dão a chance de errar sem deixar nenhum traço de remorso. Com esse criado-mudo foi assim: peça doada, que  habitou um lar por uma vida inteira mas, um dia, sua validade expirou. Acolhi, como costuma ser do meu feitio, saquei fora toda a grossa camada de verniz, elegi um novo puxador, recortei EVA, construi um carimbo e achei que azul lhe cairia muito bem. Essa peça me deu a oportunidade de experimentar e perceber que a parte mais bacana de qualquer processo é o aprendizado que se tira no meio do caminho, especialmente das coisas perdidas.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

 

A hora e a vez da cozinha

julie-ansiau-miluccia-001 net

Não é de se admirar que a cozinha tenha ganhado tanta importância nos layouts atuais, afinal de contas é dela que emanam os cheiros que perfumam a casa e nos trazem boas lembranças. Tem aromatizador melhor e mais reconfortante que o cheirinho de bolo assando? E as conversas à beira do fogão, entre um experimentar e outro?

Cozinha virou o novo espaço de receber e, pra que isso ocorra de forma eficiente, é fundamental que ela tenha um aspecto mais hospitaleiro sem, é claro, perder de vista a praticidade que o cotidiano exige.

Interprete-a como um recinto super especial, tente um olhar diferente para as coisas óbvias. Pense em adicionar algumas doses de cor que jamais cogitou para esse ambiente, insira revestimentos práticos porém com uma pegada acolhedora, inclua um vaso bacanudo, digno de reinar em sua sala de estar. Enfim,  arrisque de verdade na combinação dos temperos e poderá ter uma receita fantástica.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Miluccia

Blog no WordPress.com.

Acima ↑