Busca

Forma : Plural

Releitura do viver bem

Categoria

Espaço

Banco, o parceiro polivalente

Banco vai no corredor, na cozinha, na sala, no quarto, no quintal, no banheiro. Faz com maestria as vezes de cadeira, de mesa, de estante. Tem do grande e do pequeno, do caro e do barato. Ah, e os materiais? Dos mais diversos possíveis, pra agradar todo tipo de freguês. E pra quem ainda duvida, olha aí um banco que virou armário. Jeito bacana e despojado de organizar alguns pertences do banheiro. É só escolher o tamanho que melhor se adequa ao espaço disponível e caprichar na escolha de um banco com o acabamento que melhor se encaixa ao seu contexto. E, não acaba por aí. Quando expirar sua validade como armário, pode virar banco de sentar ou apoiar em qualquer outro lugar da casa.

Siga o Forma:Plural no Instagram e no Facebook.

Via: El Mueble

 

Anúncios

Releitura de canto alemão

Canto alemão é um troço que deu certo mesmo, ideia porreta, que ultrapassou anos e continua com a validade em cima. Mas, para tudo que é bom ficar ainda melhor, uma boa releitura é sempre bem-vinda, não deixa as coisas caírem na mesmice e ainda dá aquela ajustada para que tudo se adeque ao contexto dos dias atuais.

Aqui, num espaço bem compacto, a mesa redonda faz as honras para os convivas juntamente com bancos dispostos em “L” ( combo imbatível no quesito ” aperta que cabe +1″!). Pra garantir  o conforto num longo bate-papo, assentos e almofadas, sendo que essas últimas significam a chance da renovação visual. E essas duas cadeiras? Lindonas, charme marcante. E, pra arrematar, plantinhas trazem frescor e vivacidade, quadros doam dinamismo e o pendente é pra garantir que o clima seja todo especial.

Siga o Forma:Plural no Instagram e Facebook.

Fonte: Decoholic

 

 

 

Para o lavabo

ig-casa-e-jardim-avabo

Sabe aquelas ideias que te encontram no momento certo? Pois é, essa foi uma delas. Ela me achou na hora em que passava por uma crise das boas com meu lavabo…Na real, faz um bom tempo que discutimos a relação, tentamos achar uma alternativa mais simpática pra pendurar a toalha, mas nunca chegamos num consenso. Experimentamos diferentes locais, testamos toalhas de vários tamanhos, mas tudo não passou de mero desgaste. Mas agora tudo vai mudar: toalhas de papel elegantemente acomodadas numa cestinha vão roubar a cena na bancada da pia e, junto com mais algumas firulinhas, certamente farão do lavabo um sujeito muito melhor.

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram aqui.

Fonte: IG Casa&Jardim

 

Composição “de esquina”

Elleinterior.se comp

Normalmente, as composições de quadros são realizadas em locais de grande destaque e visibilidade, como a parede acima do sofá ou acima de um grande aparador. Mas, que tal se apropriar de um local onde não é costumeiro se dar a mínima bola e fazê-lo virar um ponto focal incrível dentro de um recinto? Pois é exatamente isso que fizeram na foto acima e o resultado é fantástico. A composição usa a “esquina” das paredes, vai de cima a baixo, com direito até a quadro no chão, simplesmente encostado. É aquela tal história: muitas vezes, pra surpreender, não é preciso muito, basta uma leitura um pouquinho diferente.

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram. Já conhece nossa lojinha? É só clicar aqui.

Fonte: Elle Interior

Uma bela recepção

inicio

Abrir a porta e logo de cara se deparar com um belo recinto é uma excelente maneira de recepcionar bem quem chega e também dar uma alegriazinha extra toda vez que voltamos pra casa. No entanto, hall de entrada não costuma ser um espaço muito fácil de lidar: sujeito normalmente estreito que, além de servir como passagem, possui a função de guardar alguns pertences.

Aliar espaço ingrato com funcionalidade e boniteza parece tarefa muita árdua, até percebermos que com um bocado de capricho e algumas ideias dá pra desenvolver um hall capaz de causar uma bela impressão. Pintar a porta, taí uma saída interessante e econômica, que imediatamente muda a atmosfera do local. Pra acompanhar, um tapete com uma estampa marcante, um móvel de apoio nas dimensões adequadas à área disponível e alguma(s) graça pra enfeitar a parede.

Com os itens “maiores”  orquestrados, é o momento de acrescentar os acessórios, elementos fundamentais para dar vida e movimento ao ambiente. Em cena entram porta-tranqueiras para acomodar pequenos pertences, plantas e algum mobiliário de porte modesto que possa servir como um apoio adicional. E pra fechar, é caprichar numa iluminação que coloque todo o trabalho e execução em evidência.

oldbrandnew2

oldbrandnew3

oldbrandnew4

oldbrandnew7

colocar

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram.

Fonte: Old Brand New

Habitando a esquina

design files

Esse post é uma dose de esperança para aqueles que ainda acham que o espaço de encontro entre as paredes é um canto ingrato, que não presta pra nada ou que, para torná-lo bacana, são precisos acessórios especiais pra essa finalidade. Pois essa questão pode estar muito mais relacionada à diagramação do que se imagina, basta reparar nessa feliz composição, onde prateleiras convencionais deram conta do recado. A boa disposição entre elas, juntamente com os objetos que carregam, gerou um resultado super harmonioso. E pra fechar com chave de ouro e conferir um movimento ao conjunto, um belo vaso suspenso entra no cenário. Bom pra gente aprender que não existem espaços impossíveis, existem espaços mal observados.

design files1

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram.

Fonte: The Design Files

Pufe, um parceiro excelente

el mueble puf

O pufe pertence àquela categoria de peças que servem para inúmeras finalidades: assento extra, como mesinha, apoio de pés. Transita na casa grande e pequena, a gente pode acomodar sob um aparador, num cantinho da sala e até no corredor. Encontrados em diferentes formatos, tamanhos e materiais, não é difícil achar um modelo que melhor se encaixe ao seu estilo. Vão da área interna para a externa com a maior facilidade e, em dias de festas, são extremamente úteis e companhias sempre perfeitas para se ter por perto.

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram.

Fonte: El Mueble

Cozinha pequena e com algo a mais

aestate.be

Quem nunca passou um perrengue lascado com uma cozinha pequena? Pois é, e isso infelizmente se torna cada vez mais um fato bastante comum. Pra driblar esse sufoco, tenho visto muita gente traduzir aperto em aconchego, elaborando cozinhas super charmosas e acolhedoras em espaços bem enxutos.

virlova style

Pra dar uma geral no que essas cozinhas têm de bacana e que não costumam dar ruim, separei alguns tópicos:

Madeira: seja no piso ou nos armários, em seu estado natural ou pintada, a madeira sempre dá as caras nesses ambientes apertadinhos e tão gostosos como um abraço, mesmo que seja em dose homeopática. É um recurso certeiro!

Prateleiras: nada de entupir a cozinha de canto a canto com armários planejados. Invista em prateleiras, mesmo que sejam executadas no próprio armário, pois elas ajudam a dar um movimento legal ao ambiente com objetos expostos. Além disso, a real é a seguinte: se o espaço é pequeno, é preciso aprender a conviver com menos, não tem jeito.

apart small corre

Plantas e adornos: viver com menos é uma coisa, viver sem uma pitada de graça é outra. Mesmo a cozinha sendo um ambiente onde a prioridade é a praticidade, é fundamental que ela seja humanizada para ser acolhedora. Nesse quesito, adornos diversos e plantas são os parceiros perfeitos para se ter sempre por perto.

Apoio: pode ser um móvel planejado executado com um balcão para apoio, pode ser uma pequena ilha com rodízios encostada num canto da parede, pode ser uma prateleira que funciona como balcão. Apesar da metragem enxuta, é super importante prever qualquer tipo de apoio para auxiliar no preparo e até mesmo servir como mesa para refeições rápidas.

12802888_1038513946194959_6500630702463079595_n

Uma cozinha pequena e com algo a mais é um recinto bem tratado e bem vivido, que entende de funcionalidade mas que jamais se esquece de que, mesmo bem pequena, ainda assim é o coração da casa.

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram.

Fontes: Aestate / Virlova Style / Apartment Therapy

Canto alemão prafrentex

decoholic small1dining-table-eat-in-small-kitchen-idea-3

Trata-se do bom e velho canto alemão, aquele que se encaixa bem na esquina da parede e perfeito para metragens justas, só que com uma carinha menos pesadona, muito mais simpático e com a mesma funcionalidade da versão original. A mesa redonda ajuda a dar um movimento bacana no layout, almofadas coloridas doam descontração e a parede decorada pontua o despojamento. Essa é uma daquelas releituras que valem a pena.

Siga o Forma:Plural no Facebook e no Instagram.

Fonte: Decoholic

Blog no WordPress.com.

Acima ↑