Tem vezes que bate aquela inquietação com o que vemos a nossa volta, uma vontade louca de mudar, que não dá pra esperar tapeceiro, marceneiro, pintor. Pra esses casos, soluções instantâneas e com grande efeito são as melhores, aquelas que a gente mesma bota a mão na massa e vê o resultado rapidinho.

Sabe aquele móvel carrancudo, um tanto sem graça? Tinta nele! E não falo em pintá-lo por completo não. Muitas vezes as pinceladas certas e nas cores certas são suficientes pra transformar uma peça totalmente, fazê-la sorrir de novo.

Tá sentindo falta de movimento e vida em algum canto? Plantas são a salvação. Sem dizer que ainda são fantásticas pra trazer texturas e cor. Já vi casos onde até um único vaso com flores frescas fez um verdadeiro milagre.

Lavabo impessoal, sem nenhum borogodó? Enfeite! E quadros estão no topo da lista de itens que funcionam super bem e tiram qualquer lavabo do lugar-comum. Vale também caprichar na toalha para as mãos e na saboneteira.

Não aguenta mais olhar aquele armário sem portas e o marceneiro está te dando canseira? A boa e velha cortininha continua fazendo bonito e, se vc também não sabe costurar, cola pra tecido já salvou muito a minha vida e rendeu umas cortininhas lindonas. E a parte bacana: dá pra variar a estampa 🙂

O mood de um ambiente não está agradando? De novo, tinta! Como num passe de mágica, uma cor é capaz de preencher os espaços e trazer as mais diversas sensações. Inclusive, uma boa dose de tinta e criatividade são imbatíveis, nos dão a possibilidade de novas interpretações, como esse caso dessa pequena estante de alvenaria onde o contorno colorido deu um efeito visual espetacular:

E para viver bem com aquele estofado que já viveu dias gloriosos, vale almofadas, mantas, tapeçaria e até trilho de mesa. Nem sempre o que vc espera depende de um tapeceiro e, acredite, esses ensaios são maravilhosos para ajudar com decisões mais sérias, como a escolha da cor e estampa de um novo estofamento.

Às vezes as soluções são bastante simples, é a gente que complica. E sigo acreditando que muita coisa que nos incomoda pode ser resolvida com um bom exercício de observação e muito “arrasta pra cá e pra lá”. Troque móveis, objetos e não tenha medo dos improvisos. Experimentar é sempre um caminho cheio de boas surpresas.

Fontes: Soy Yingo / Emma__ainscough / Gietemuis / Louise Roe Home / Marianne_Cotterill / Gillian Lawlee / Anna Spiro