foto1

Coincidência ou não, uma das moradoras dessa casa se chama Alice. Já enxergo um universo de possibilidades, onde o que é inanimado ganha vida, onde brinda-se com bichos e se conversa com bonecas, onde tudo e todos têm a chance de se refestelar por um reino repleto de cores vibrantes. Sim, essa casa é tudo isso e mais um pouco, um catado de talentos reunidos numa reforma que durou o tempo das férias de verão, que juntou familiares e amigos, cada qual doando aquilo que sabe fazer, em prol de um lar de verdade, cuja prioridade era se tornar um local bom para se viver e para receber quem a gente quer bem. E as mocinhas donas dessa casa, duas irmãs por sinal – a Alice e a Lucy, botaram a mão na massa, acreditaram no potencial de uma casa que estava praticamente em ruínas, souberam aproveitar e destacar as marcas do tempo, garimparam móveis antigos, selecionaram bons itens novos. Bem provável que essa seja uma casa que não agrade a todos, mas a finalidade de uma casa não é causar boa impressão, mas ser um lugar onde possamos exercitar a nossa total e completa liberdade de expressão.

foto2

foto3

foto4

foto5

foto6

foto7

foto8

foto9

foto10

foto11

foto12

foto13

 

Para maiores detalhes, clique aqui no Design Files.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.