Cecília Meireles bem escreveu: ” De que são feitos os dias? De pequenos desejos, vagarosas saudades, silenciosas lembranças”. Particularmente, acredito que as casas devam conter uma composição bem similar a essa, onde cada cômodo reserve um canto de desejos, que as paredes expressem as histórias que se foram e tenham espaço para receber com carinho as que ainda estão por vir, que sejam tratadas como um organismo vivo, suscetível a mudanças e experiências. Talvez por isso tenha tamanha admiração por casas feitas de cantinhos, aqueles que guardam as coisas que mais gostamos de fazer, só à espera do fim de semana para poder se perder e mergulhar de verdade, sem ter hora para começar ou terminar.

foto 1

foto 2

foto 3

foto 4

foto 5

foto 6

foto 7

foto 8

foto 9

Um cantinho de manualidades, como o dessa casa, me parece ser o lugar perfeito para colocar os sonhos em prática e renovar as alegrias, mas poderia ser uma sala de leitura ou música, um jardim para cuidar das flores, uma cozinha para preparar quitutes para receber os amigos. Um feliz final de semana!

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fonte: Mokkasin

Anúncios