Ontem mesmo falei sobre a penteadeira, artigo raríssimo nos dias atuais. Na verdade, os móveis antiguinhos viraram objetos de luxo, afinal brechós já não são mais brechós, se transformaram em antiquários. Ainda é possível encontrar muita coisa bacana a preço honesto, mas exige uma boa paciência e, acima de tudo, um bom relacionamento. Num desses exercícios paciência + relacionamento, minha irmã arrematou um lindíssimo guarda-roupa, que agora reina fabuloso em sua sala de jantar. Como se tratava de uma peça com um aspecto muito pesado para o ambiente, pediu para o marceneiro recortar as portas e adicionar vidro. Ficou com um visual muito mais leve e parecido com esse aqui:

casa-claudiaguardaroupacomvidroviracristaleiranasala

É um móvel que acolhe louças, toalhas de mesa e o que mais a imaginação permitir. Se a cor da madeira não agradar, tinta nele. Aliás, uma boa pintura serve também para esconder pequenas imperfeições. Um revestimento na parte interna, seja com tecido ou papel, cria um efeito bem interessante na peça. E não precisa colar diretamente no móvel: compre um isopor bem fininho e o revista, depois o prenda com fita dupla face. Garanto que será muito mais fácil trocar quando enjoar.

Aqui, um modelo bem menor que postei no Facebook, usado de maneira original:

79 ideas

Aproveito para lembrar que não é só guarda-roupa que vira cristaleira. Livreiros antigos funcionam hiper bem. E não é só em brechós ( antiquários ) que se encontram os móveis antigos, tem muita igreja que realiza bazares periódicos e casa de parente normalmente rende muito garimpo.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Casa Claudia / 79 Ideas

Anúncios