Casas pelo mundo. Sempre revelam algum tipo de combinação que, mesmo não sendo exatamente seu número perfeito, já acende uma luz de possibilidade. Essa, do Praktyczne i Piekne, tem um apelo romântico, mas sua base neutra permitiu a inserção  de elementos étnicos e urbanos, criando uma unidade visual agradável:


Seguindo a linha industrial comum aos lofts, esse do Planete Deco não fugiu à regra, mas revelou a possibilidade de muitas intervenções clássicas:

Os tradicionais apês escandinavos são referências certas para quem busca o bom proveito tirado de móveis sob a janela, como esse do La Maison D’anna G.:

E no Alvhem está a prova de que  poucos metros quadrados podem se tornar sensacionais:

E para aqueles que o espaço não é problema, a deixa veio do Home&Garden com uma sala de estar a céu aberto:

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.