Quando decoramos a casa, o teto muitas vezes fica na saudade, porque a grana toda foi parar no piso térreo. Aí, quando olha lá pro alto e vê aquela lâmpada pendurada no fio sujo de tinta, rapidinho desvia o olhar.

Como lustre é um item  normalmente caro, boa parte apela para o plafon, que é disponível em vários formatos, materiais, cores etc, etc, etc, só pra dar aquela abafada básica e temporária. Aquela história do provisório que permanece pela vida inteira mais seis meses.

Por favor, nada contra os plafons, mas existe outra alternativa mais econômica e capaz de trazer uma alegria bem maior para o famigerado teto: lanterna japonesa. Também disponível em vários formatos, cores etc, etc, etc, e com um detalhe a mais: dá pra personalizar ( e não acumula inseto morto)!

Essas aí já havia publicado lá no Facebook. São super simples de fazer: círculos de papel de seda. Utilizando o mesmo conceito, temos essas, confeccionadas com páginas de revistas:

Tem quem apele para o bom e velho jornal e ainda consegue compor um ambiente muito elegante ( só precisa ficar atento qual parte da notícia usará):

Ou uma releitura neon da clássica estampa de bolinhas, que poderá ser feita com adesivos facilmente encontrados em papelarias:

Essa versão com papel crepom cortado em tiras e picotado nas bordas também pode render alguns elogios:

E para versões românticas, uma lanterna que poderá ser customizada com recortes de tecido ou guardanapo para decoupage:

E agora uma versão bem clean, com forrações de prato de doces:

O tutorial dessa se encontra  aqui. Se der um “mergulho” em algumas partes dessas forrações em tinta diluída em bastante água, poderá ter uma luminária aquarelada, que fica bem interessante também.

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Apartment Therapy / Pinterest / La maison d’Anna G. / Oh Happy Day / Green Wedding Shoes / Ruffled