…sem medidas drásticas! Que cor encanta boa parcela da população é fato, mas são poucos que aderem ao lar colorido. Poderia destacar muitos motivos, mas certamente o mais alegado é o medo de enjoar.

Pensando nisso, separei algumas sugestões facilmente reversíveis. Começando pelo sofá: manta colorida e almofadas nele. Um quadro e uma cúpula porreta também dão uma ajudinha e tanto…

Para a clássica cozinha branca, acessórios coloridos. E, para quem curte a tendência neon, a hora é essa:

Tapete é um grande aliado para a missão e poderá variar toda vez que colocá-lo para lavar:

Sobreposição é uma grande aposta e ainda auxilia a esconder alguma manchinha daquele tapete querido:

Para dar uma graça em qualquer ambiente, que tal uma lâmpada pendente num fio colorido?

Os famosos pompons de papel de seda também dão conta do recado:

Armários abertos, com o interior decorado, fazem horrores:

Dá sim pra criar o fundo de um armário também reversível com tecido, papel de parede ou scrapbook, e ainda é mega fácil. Basta cortar uma prancha fina de isopor na medida do fundo do armário, revesti-la com o material desejado e fixá-la com fita dupla face. E aí, animou?

Curta a page do Forma:Plural no Facebook aqui.

Fontes: Selina Lake / An Indian Summer / Vintage / My Ideal Home / Julias Room for Dessert / La Maison d’Anna G. / Mi Espacio Vital